Pálpebras

Certamente, uma boa parte do ar “cansado” e do aspecto envelhecido que incomoda tanta gente se deve às pálpebras.

O excesso de pele e o acúmulo de gordura em bolsas nestas regiões acabam levando a esta indesejável situação. A cirurgia das pálpebras recompõe a anatomia desta região, devolvendo uma expressão mais jovem e disposta a estas pessoas.

A Blefaroplastia é uma cirurgia simples, que pode ser realizada apenas nas pálpebras inferiores, nas superiores ou, como ocorre na maioria das oportunidades, em ambas. Não existe uma idade ideal, mas sim, a oportunidade ideal. Essa oportunidade é determinada pela presença do defeito a ser corrigido e poderá ocorrer em qualquer idade.

É retirado o excesso de pele, ressecada parte da gordura que se aloja em bolsas, logo abaixo da camada muscular, e feita a sutura com um fio bem fino. As cicatrizes ficam invisíveis depois de algum tempo. Esta cirurgia é feita sob anestesia local, ou local com sedação.

É sempre recomendado colocação de compressas frias por alguns minutos, várias vezes ao dia, ato este controlado pelo(a) próprio(a) paciente, como profilaxia do edema acentuado e para atenuar as equimoses (áreas roxas), que normalmente ocorrem. É imprescindível evitar exposição ao sol.

De qualquer forma, estas manifestações regridem em aproximadamente 15 dias.